Quinta-feira, 3 de Novembro de 2005

Margarida Vila-Nova - "O mundo dela"

22 anos. Um currículo invejável. Independente e incansável. É assim Margarida Vila-Nova, uma actriz da nova geração que, em pequena, sonhava trabalhar numa caixa de supermercado. À noite podes vê-la na pele de Rita, na telenovela “Mundo Meu”. Mas nós fomos à descoberta do mundo da Margarida.

 

 

Na novela “Mundo meu” representas uma personagem com uma grande força. A Margarida também é assim na vida real? A ficção ultrapassa sempre um pouco a realidade. Pelo menos a minha realidade. Embora eu goste de trabalhar e lutar por aquilo em que acredito, não tenho, talvez, a mesma liberdade que a Rita tem. Peso os prós e os contras, às vezes tenho reticências, posso adiar alguns projectos... Sou menos impulsiva. Acredito que tudo é possível na vida, essa é a minha forma de estar, mas acho que nisso a Rita está uns anos à frente. Ela nem sequer pondera a hipótese de adiar. Se lhe passa uma coisa pela cabeça, aí vai ela. Apesar de tudo, eu não tenho toda essa liberdade e coragem.

És a protagonista da novela... Está ser fácil ou difícil abraçar uma personagem tão importante?
Não vou dizer que não há pressão, porque há. Uma pressão enorme, sobretudo, porque é a personagem central, é o fio condutor de toda a trama. Todas as histórias paralelas à volta da Rita, de uma forma ou de outra, se cruzam com a dela. Há um maior grau de responsabilidade e exigência. Para além de ser uma das personagens mais complexas, que fiz, também pelo número de cenas que tem. Há uma panóplia de emoções, de sentimentos e reacções enorme. Acabo por viver, no meu dia-a-dia, uma segunda vida.

Mas a Rita é, de algum modo, parecida contigo nas atitudes? Não... Há algo importante que é: eu baseio-me sempre na minha experiência de vida para ajudar a compor uma personagem. Mesmo que seja através da nossa família e amigos, acaba sempre por enriquecer o trabalho. Nunca passei por uma experiência de perder os pais, mas conheço quem tenha passado. E, no fundo, o que tenho em comum com a Rita são as sensações. Cada um pode reagir de forma diferente à perda dos pais, mas a dor e a saudade constante são as sensações que ouvia falar quando estava a preparar-me e a fazer “trabalho de laboratório”. Por mais que uma pessoa se conforme e ultrapasse, há uma dor que está sempre lá, nunca é apagada. E é essa sensação que, provavelmente temos em comum.

Nesse “trabalho de laboratório”, que tipo de pesquisa fizeste para te documentares e preparares para o papel? Falei com pessoas à minha volta que tivessem perdido familiares. Contactei a Casa Pia, onde há muitos miúdos órfãos. Queria perceber a atitude na vida de pessoas que não têm raízes. Porque a Rita foi viver para Paris ainda bebé, e não tem mais ninguém. Vem à procura de uma tia. E isso para mim é estranho, que venho de uma família enorme, pensar que pode não se ter uma referência. Há uma coisa que faço também muito: quando estou a preparar uma personagem vejo dezenas de filmes. Não quer dizer que vá fazer igual ou seguir aquela linha. Às vezes nem têm nada a ver, mas podem trazer ideias para o universo imaginário que estamos a compor.

A tua mãe tem um papel muito importante na tua vida, uma vez que é quem gere a tua carreira. Como é a tua relação com ela a nível pessoal e também profissional?
Embora tenha uma empresária que trata das minhas coisas, a minha mãe representa-me em qualquer trabalho ou questão contratual. Há dois lados bons: primeiro, porque a minha mãe sempre trabalhou em produção e foi com ela que montei as “Magníficas Produções”, que é uma produtora direccionada, essencialmente, para projectos jovens. Por outro lado, damo-nos bem a trabalhar. Podemos às vezes ter divergências de opinião, porque eu não deixo de ser actriz e ela não deixa de ser produtora. Mas é muito saudável, temos uma cumplicidade e amizade muito forte. E eu adoro trabalhar com amigos, não só a minha mãe.

Ainda assim, foste morar sozinha aos 18 anos. Porquê? Precisavas da tua independência?
A minha mãe e as pessoas que me rodeiam educaram-me para ser muito independente. Eu cresci em plateaus de cinema, em bastidores, ensaios de teatro... E todos aqueles elencos pelos quais eu passei sem ter participado incutiram-me valores, opiniões e ideais. Educaram-me de uma forma especial e isso fez com que eu amadurecesse cedo e tivesse um grande espírito de independência e liberdade. Num dia devo falar com a minha mãe umas 30 vezes, sem exagero. Mas ao mesmo tempo que estamos a par do que cada uma faz, sou muito independente. Ter saído de casa aos 18 anos aconteceu porque precisava de experimentar. Tanto a minha mãe como o meu pai me deram a noção de quanto a vida custa a ganhar. Do género “queres? Então vai, vai ver como é, a ver se te aguentas...”

Quanto à tua carreira... Aos 22 anos tens um currículo já bastante extenso. Vais conseguindo concretizar os projectos a que te propões? Embora tenha sempre “quinhentos” projectos na cabeça ao mesmo tempo, vou fazendo e gerindo tudo com muita calma. Já me aconteceu – poucas vezes, mas aconteceu – ter de recusar um projecto por saber não ter capacidade de o fazer bem feito e conciliar com os outros. Mas também já sucedeu meter-me em três coisas ao mesmo tempo e era a loucura! Não folgava. Ainda há pouco tempo, estava a gravar a novela com exteriores no Algarve e a fazer a peça “Por Uma Noite”. Mas vou levando tudo com calma. Percebi que cada coisa tem o seu tempo e que agora estou na novela, com a dedicação que ela exige, para poder dar o meu melhor. Quando as coisas tiverem de aparecer, aparecem. Há ainda projectos que quero concretizar.

Onde te vês daqui a dez anos?
o António Pedro Vasconcelos, com o Marco Martins, com o João Canijo, a Margarida Cardoso... Adoro cinema. Posso estar horas à espera num plateau de cinema a ver a montagem de cabos e projectores e não me chateia. Mas em teatro tenho tudo para fazer. Há imensos autores que gostava de trabalhar, não só clássicos como também contemporâneos. Assim como encenadores. Em televisão também, desde que o projecto seja interessante e explorar o personagem.

Uma batalha que tenhas ganho: Acho que pôr qualquer espectáculo de pé é uma batalha.

Um sonho que te falte cumprir: A volta ao mundo.
Um livro que te tenha marcado: “Uma Casa no Fim do Mundo”, de Michael Cunningham

Um filme que gostes de rever: “E tudo o Vento Levou”. “Tomorrow is another day” passou a ser o meu lema de vida.

Uma música que lembre um momento perfeito: “Por Enquanto”, interpretada por Cassia Eller

Um momento perfeito: Qualquer estreia de uma peça é um momento perfeito. Odeio estreias. Morro. Tenho de andar com a minha mãe atrás. Mas acho que é uma noite de consagração, em que se atinge um objectivo. Quando se chega a casa, está-se com a alma cheia.

Uma pessoa que admires: O Miguel Guilherme. Acho que é um actor maravilhoso, com uma forma de trabalhar única, e é um ser humano inteligente, culto e generoso.

Uma foto na mesa de cabeceira: Não tenho. Ainda está por tirar.

Uma cidade para viver: Rio de Janeiro
.

Um postal de férias: Da Grécia, Santoriny.
BI
Nome: Margarida Vila-Nova
Idade: 22 anos
Carreira: Teatro – “Confissões de Adolescente”; “Pedras Rolantes”; “A Morte de Romeu e Julieta”; “Por Uma Noite”. Cinema – “A Falha”, de João Mário Grilo; “O Milagre Segundo Salomé”, de Mário Barroso; “O Fatalista”, de João Botelho. Televisão – novela “Fúria de Viver”; série “Ana e os 7”; série “O Segredo”; novela “Mundo Meu”. Criou com a mãe as “Magníficas Produções”, que produz peças sobre o universo juvenil. Profissão de sonho: Quando era pequena, o sonho era ser caixa de supermercado. Ou, em alternativa, “ir atrás” nas ambulâncias. “Não era ser enfermeira nem nada, era ir lá atrás, a socorrer pessoas...”

2 comentários:
De Laura Martins a 2 de Maio de 2006 às 11:08
Oi Margarida.tudo bem olha adorei o teu papel na novela mundo meu gostava de ler o livro que publicaste nao me podes dizer onde posso encontrar?Tenho o cd da banda sonora do mundo meu e sempre que ouco as musicas que davam quando tu entravas fico com soldades de te ver na tv .gostava que me avisasses de quando fizesses outra novela avisas..........

Bjs:Laura:-)
De Moranguita a 3 de Novembro de 2005 às 17:49
oi!obrigado por teres comentado o meu blog.à medida que is lendo o comentário que fizeste ia tendo cada vez mais a ceteza de que a tua vida deve ser bastante semelhante á minha, e cada conselho que me deste eu já comecei a cumprir há algum tempo, eu percebi desde logo que lutar contra eles nao era a melhor soluçao, entao resolvi calar-me e aceitar tudo o que eles dizem, mas as vezes é complicado e acabo por falar de mais, e axo que é por eu nunca responder à letra que me estou a revoltar por dentro cada vez mais, e vai xegar o dia em que vou rebentar e a minha maior idade vai ser a porta de saida para os problemas, nao pra todos mas talvez seja para estes.eu sei que me vou sentir mal e que vou sentir a falta deles se sair daki, mas eu sei que os meus pais NUNCA vao aceitar os meus sonhos, eles nao acreditam nas artes, para eles é completamente impensável que eu nao faça um curso como advocacia, eles nem jornalismo nem psicologia querem ue eu faça, por isso imagina. bjs fika bem e continua a passar no meu se me quiseres adicionar o meu mail é californiagirl_surfdiva@hotmail.com , para mandar e-mails é lagunabeachgirl@sapo.pt

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Últimas:

. Mariana Monteiro esteve n...

. Sílvia conduz gala a favo...

. David Carreira dá cartas ...

. Nuno Santos troca RTP pel...

. A Mariana Monteiro é lind...

. Britney Spears roubou isq...

. Striptease deixa marcas e...

. Russell Crowe e Nicole Ki...

. Eu e a Margarida temos um...

. Helena Isabel: Em forma

. Isabel Figueira convive c...

. Cantor desmente romance

. Rita Egídio está grávida

. Carol Castro ASSALTADA

. Modelos mal se falam

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

.tags

. a bela e o mestre(6)

. alexandra lencastre(29)

. alinne moraes(8)

. ana guiomar(5)

. angelico vieira(16)

. angelina jolie(20)

. antonio pedro cerdeira(13)

. band(8)

. barbara guimaraes(6)

. barbara norton de matos(5)

. belissima(9)

. benedita pereira(6)

. brad pitt(13)

. britney spears(8)

. canta por mim(4)

. carolina dieckmann(5)

. catarina furtado(20)

. caua reymond(9)

. cesar peixoto(11)

. christina aguilera(6)

. cinha jardim(5)

. claudia semedo(5)

. claudia vieira(28)

. cleo pires(7)

. cristiano ronaldo(29)

. dalila carmo(9)

. dança comigo(11)

. dani(7)

. daniela mercury(5)

. daniela ruah(13)

. danielle suzuki(6)

. deborah secco(7)

. deixa-me amar(9)

. diana chaves(22)

. diogo amaral(10)

. doce fugitiva(5)

. dzrt(6)

. elsa raposo(7)

. fala-me de amor(4)

. fernanda serrano(15)

. floribella(13)

. francisco adam(5)

. francisco penim(5)

. gato fedorento(7)

. globo(25)

. gloria pires(4)

. guilherme berenguer(4)

. helena isabel(4)

. henri castelli(4)

. herman josé(4)

. ilha dos amores(16)

. imperius(7)

. ines castel-branco(6)

. ines simoes(4)

. isabel figueira(34)

. ivete sangalo(4)

. jennifer lopez(5)

. jessica athaide(4)

. joana duarte(11)

. joana solnado(13)

. joão reis(9)

. jose fidalgo(6)

. juliana paes(6)

. luciana abreu(15)

. mafalda pinto(6)

. margarida vila nova(18)

. maria joão bastos(15)

. mariana monteiro(7)

. marisa cruz(8)

. melanie c(5)

. merche romero(46)

. morangos com açucar(51)

. nbp(5)

. operaçao triunfo(5)

. paixões proibidas(7)

. paula lobo antunes(6)

. paula neves(6)

. paulo pires(7)

. pedro granger(6)

. pedro miguel ramos(8)

. pedro teixeira(10)

. ricardo pereira(16)

. rita andrade(5)

. rita pereira(20)

. rodrigo menezes(6)

. rtp(43)

. rtp1(30)

. rtp2(5)

. ruy de carvalho(5)

. são josé correia(11)

. shakira(8)

. sic(71)

. silvia alberto(11)

. sofia alves(9)

. sonia araujo(6)

. soraia chaves(24)

. tempo de viver(9)

. tu e eu(8)

. tvi(126)

. vila faia(5)

. todas as tags

.Links:

blogs SAPO

.subscrever feeds