Domingo, 16 de Outubro de 2005

Bárbara Guimarães - O preço do amor




Carrilho perde as autárquicas, apesar do empenho da mulher, e é ela quem mais ‘chora’ a derrota. Por amor, Bárbara Guimarães abandonou o seu estilo discreto e expôs a sua ‘privacidade’. Está provado que, por Manuel Maria, ela faz tudo.

 

 


Bárbara Guimarães fez da candidatura do seu marido à presidência da Câmara Municipal de Lisboa uma causa pessoalíssima.

Na hora da anunciada derrota de Manuel Maria Carrilho, a apresentadora do ‘Páginas Soltas’ (SIC Notícias) foi assolada pela tristeza. Ainda que o protocolo obrigasse a exibição de um sorriso discreto, os olhos de Bárbara Guimarães, 32 anos, revelaram aquilo que o semblante quedo procurava ocultar. A sua consternação é profundamente justificada, pois nunca como agora Bárbara Guimarães investiu tanto de si e da sua família como o fez na campanha do marido.

Por amor, por acreditar no potencial de Manuel Maria Carrilho, a apresentadora expôs o seu bem mais precioso, o filho de ambos. Eles deram a imagem de uma família feliz, mas será que a figura da apresentadora continua intacta?! A ‘Vidas’ foi à procura da resposta. Com base no que afirmam amigos e individualidades ligadas à gestão de imagem, conclui-se que Bárbara é a mesma pessoa.

Amigos do casal são da opinião de que eles são bastante dedicados um ao outro. “Ela vive para ele. Passou a viver como ele, com os amigos e a família dele. A Bárbara acredita (e diz) que encontrou a alma gémea, o príncipe encantado, ela acha-o o máximo, o melhor homem do mundo. E quem feio ama, bonito lhe parece. Ela não mudou como pessoa ou como amiga, pois preserva amizades de infância. Mudou foi publicamente e ainda ia ficar pior se Carrilho tivesse ganho as eleições”, diz um amigo. A mesma pessoa acredita que há uma explicação para esta conquista peculiar: “As pessoas acham estranho o facto de um homem como o Manuel Maria, nada atraente fisicamente, ter conseguido conquistar uma pessoa como a Bárbara. Sobretudo porque ele também não é o mais simpático do mundo. Curiosamente, com a Bárbara, ele é diferente e ‘trabalhou muito’ para captar a sua atenção.” A história de amor começou por questões profissionais.

A apresentadora trabalhava na RDP, Antena 1, e foi pedir ao, então, ministro da Cultura, Manuel Maria Carrilho, um subsídio para ter um programa de cultura. Durante dois anos, Bárbara foi autora e apresentadora do programa cultural ‘Culto’, nessa rádio.

“A partir desse momento, passaram a conviver. Ele encantou-a com pequenos grandes detalhes. Todas as mulheres gostam de ser bajuladas, surpreendidas e ele soube fazer isso muito bem: desde levá-la, de avião, a Paris para tomar o pequeno-almoço.”

Conta uma amiga da apresentadora, que muito antes do namoro, Carrilho fez questão de mostrar o seu charme. “Ele mandou-lhe um ramo de rosas e um vestido com um convite para jantar.”

NASCIDA EM DIA DE TROVOADA

Apesar de ter casado com Manuel Maria Carrilho e da sua história de amor ter sido alvo de algum mediatismo (devido ao seu anterior casamento com o apresentador Pedro Miguel Ramos) Bárbara Guimarães, garantem os amigos, continua a ser a pessoa que sempre foi. Mas há algumas mudanças, menos positivas na opinião de quem já foi mais próximo da apresentadora. “Continuamos a ser amigos, mas é raro vê-la. Acho que ela mudou de atitude e de estilo, porque está mais velha e é mãe. Antes tinha um estilo mais descontraído. Não nos vemos há dois anos, mas quando nos encontramos ela continua muito simpática”, conta o jornalista José Carlos Castro, com quem Bárbara Guimarães co-apresentou o ‘TVI Jornal’. Outra amiga da jornalista e apresentadora diz: “Ela mudou muito na maneira de vestir, mas isso não foi bom e fê-la perder pinta. Ela nasceu num dia de trovoada e por isso se chama Bárbara. A sua personalidade tinha também a ver com o nome, mas ela mudou de postura e passou a mostrar uma senhora. Antes era muito mais engraçada, muito trovoada e castiça”. O seu amigo maestro Vitorino de Almeida a Bárbara é que não lhe poupa elogios: “A Bárbara é uma pessoa muito humana, inteligente e leal para com os amigos, mas eu sou suspeito, ela é uma das minhas melhores amigas.”

Quanto ao rótulo de snobe que nos últimos tempos atribuem à apresentadora, o maestro é peremptório: “Isso é uma grande mentira. Passam a vida a dizer que a Bárbara se tornou snobe desde que está com o Carrilho, mas é mentira. Ela é igual ao que sempre foi. Já era uma grande profissional quando o conheceu e só muda de postura em determinadas ocasiões”.

Bárbara Guimarães pode não ter mudado a maneira de ser, quanto à forma de estar não restam dúvidas: ela mudou! Certo é que os seus atributos físicos não passam indiferentes. Para o filósofo Eduardo Lourenço - o homem que um dia disse que se Deus existisse, Cláudia Schiffer seria a sua melhor obra – afirma agora que “Bárbara é bonita, elegante e faz parte dos ícones do espaço público. É uma das mulheres mais bonitas de Portugal. Um dom do criador”. Contudo, para o filósofo, o símbolo da beleza feminina em Portugal é a actual mulher do ex-marido de Bárbara Guimarães: “Acho que se o sorriso português fosse personalizado, era o da Fernanda Serrano”.

Mas o facto de Bárbara Guimarães se ter empenhado na campanha do marido, gerou alguma polémica. “A Bárbara ficou tristíssima com a perda das eleições, ainda mais que o próprio Carrilho. Ela acreditava mesmo que ele ia ganhar”, diz uma amiga que a acompanhou durante as autárquicas.

A mesma pessoa garante que o “povo não achou piada ao facto de Carrilho ter usado a família na campanha.” Opinião que o maestro não corrobora: “Ela não perdeu público por ter ajudado o marido. Só pegaram nisso porque todos sabiam que ela era uma ‘arma perigosa’”. No entanto, o maestro confirma a tristeza da amiga a propósito das autárquicas: “Ela ficou triste, mas não abatida. Eles são um casal perfeito, dão-se muito bem, não estão a fazer teatro como dizem. Ela cumpriu o seu papel de forma fantástica, não prejudicou a sua imagem, antes pelo contrário, pois o povo gostou de se tornar mais próximo dela e de conhecer a sua família.”

OPINIÃO DOS ESPECIALISTAS

Para a especialista em marketing desportivo, Ana Matias, a apresentadora nada tem a temer. A sua imagem está mais do que preservada. “Nestas autárquicas passou a imagem de uma mulher apaixonada que está sempre ao lado do homem que ama”, diz Ana Matias. Já a ‘stylist’ Xana Guerra, apesar de considerar a apresentadora “lindíssima”, preferia que ela “tivesse um estilo extravagante”. Beatriz Lemos, da Glam, por sua vez, é da opinião de que o facto de Bárbara Guimarães ter apoiado o marido “não vai interferir com a sua carreira.” A directora da Glam diz ainda que a apresentadora “agrada a diferentes tipos de público e, principalmente, conseguiu atingi-lo.” Opinião partilhada por Tó Romano, director de uma agência de modelos: “Bárbara Guimarães gere muito bem a sua imagem”, conclui.

EMPENHO NA CAMPANHA

Desde que a campanha para as autárquicas começou, que a apresentadora esteve ao lado do marido, candidato à presidência da Câmara Municipal de Lisboa. Nas ruas, nos comícios, Bárbara Guimarães adoptou a mesma postura que a sua cara-metade, mas mais emocional: ouviu as pessoas, abraçou idosos, pegou em crianças ao colo No final, confortou o marido e tentou disfarçar a desilusão.

CRONOLOGIA

Apesar de ter sempre tentado preservar a sua vida privada, ela sempre foi conhecida e até alvo de polémica.

1997

Bárbara Guimarães casa com Pedro Miguel Ramos numa praia em Punta Cana, República Dominicana.

1999

Fim do namoro com o apresentador. Começo dos encontros com Manuel Maria Carrilho, na altura ministro da Cultura.

2000

No Verão deste ano, o ‘O Independente’ noticia que Pedro Miguel Ramos agrediu Carrilho quando soube da sua relação com a mulher.

2001

Em Agosto, o casal celebra a sua união junto de amigos e família, pois se casasse com Carrilho seria acusada de bigamia. Ela acreditou que o enlace com Pedro Miguel Ramos não era válido.

2003

Casamento pelo civil com Manuel Maria Carrilho. Depois de Pedro Miguel Ramos ter concedido o divórcio.

2004

A 30 de Janeiro nasceu Dinis Maria, o primeiro filho do casal.

O REGRESSO A TELEVISÃO

Bárbara Guimarães voltou a Carnaxide após um período de dedicação exclusiva à candidatura autárquica de Manuel Maria Carrilho. Mas a ‘Vidas’ sabe que foi recebida com pouco entusiasmo pelos colegas

O quotidiano de Bárbara Guimarães voltou finalmente à normalidade. Na última terça-feira, a apresentadora de televisão regressou a Carnaxide, onde gravou mais uma entrevista para o seu ‘Páginas Soltas’. Recorde-se que Bárbara Guimarães interrompera as gravações do programa da SIC Notícias para se dedicar exclusivamente à candidatura do seu marido à autarquia lisboeta. Mas este regresso não foi encarado com grande entusiasmo nos corredores de Carnaxide. Fonte próxima da apresentadora refere que Bárbara Guimarães não é tida em grande consideração na SIC. O facto de apenas se relacionar com os elementos ligados ao seu programa e de raramente cumprimentar outros funcionários da SIC, conduziu a um esfriar de relações com muitos dos seus antigos colegas. O casamento com Manuel Maria Carrilho e a recente maternidade de Bárbara Guimarães, acentuaram o divórcio entre a apresentadora e a SIC. Segundo fonte da estação de Carnaxide, Bárbara não está disponível para trabalhar em determinados horários e a própria estação não tem formatos onde a sua presença se enquadre. E é público que o programa ‘Páginas Soltas’ é, em grande parte, subsidiado externamente.

Entretanto, a presença de Bárbara Guimarães na disputa por Lisboa levantou dúvidas sobre a influência que poderia vir a ter na sua imagem televisiva. Os críticos de televisão João Gobern e Eduardo Cintra Torres consideram essa uma falsa questão. Ambos sublinham que os portugueses sabem distinguir as situações e que compreendem estar na presença de um apoio ao seu marido. João Gobern relembra que “o recurso a pessoas com influência mediática não é novidade desta campanha. Antigamente até existiam listas com os artistas que apoiavam cada partido.”

Bárbara Guimarães chegou à SIC após passagem pela TVI, onde auxiliou Artur Albarran na condução do ‘Novo Jornal’ e partilhou a apresentação do ‘Último Jornal’ com José Carlos Castro. Seguiram-se os magazines ‘Primeira Fila’ e ‘7.15’ até que Emídio Rangel lhe endereçou o convite para ocupar a vaga de Catarina Furtado enquanto apresentadora do ‘Chuva de Estrelas’. De imediato, a nova cara bonita da SIC recebeu outro projecto: os ‘Duetos Imprevistos’ com o Maestro Vitorino d’Almeida. Bárbara ainda iria apresentar ‘Furor’ e ‘Mundo VIP’ mas o bichinho da cultura tinha renascido. E o magazine ‘Sociedade das Belas Artes’ da SIC Notícias foi uma evolução natural. A ligação à SIC generalista acaba por se extinguir e Bárbara inicia-se nas entrevistas. ‘Oriente’ é o primeiro passo na direcção de ‘Páginas Soltas’.

Fonte: revista vidas

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Últimas:

. Mariana Monteiro esteve n...

. Sílvia conduz gala a favo...

. David Carreira dá cartas ...

. Nuno Santos troca RTP pel...

. A Mariana Monteiro é lind...

. Britney Spears roubou isq...

. Striptease deixa marcas e...

. Russell Crowe e Nicole Ki...

. Eu e a Margarida temos um...

. Helena Isabel: Em forma

. Isabel Figueira convive c...

. Cantor desmente romance

. Rita Egídio está grávida

. Carol Castro ASSALTADA

. Modelos mal se falam

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

.tags

. a bela e o mestre(6)

. alexandra lencastre(29)

. alinne moraes(8)

. ana guiomar(5)

. angelico vieira(16)

. angelina jolie(20)

. antonio pedro cerdeira(13)

. band(8)

. barbara guimaraes(6)

. barbara norton de matos(5)

. belissima(9)

. benedita pereira(6)

. brad pitt(13)

. britney spears(8)

. canta por mim(4)

. carolina dieckmann(5)

. catarina furtado(20)

. caua reymond(9)

. cesar peixoto(11)

. christina aguilera(6)

. cinha jardim(5)

. claudia semedo(5)

. claudia vieira(28)

. cleo pires(7)

. cristiano ronaldo(29)

. dalila carmo(9)

. dança comigo(11)

. dani(7)

. daniela mercury(5)

. daniela ruah(13)

. danielle suzuki(6)

. deborah secco(7)

. deixa-me amar(9)

. diana chaves(22)

. diogo amaral(10)

. doce fugitiva(5)

. dzrt(6)

. elsa raposo(7)

. fala-me de amor(4)

. fernanda serrano(15)

. floribella(13)

. francisco adam(5)

. francisco penim(5)

. gato fedorento(7)

. globo(25)

. gloria pires(4)

. guilherme berenguer(4)

. helena isabel(4)

. henri castelli(4)

. herman josé(4)

. ilha dos amores(16)

. imperius(7)

. ines castel-branco(6)

. ines simoes(4)

. isabel figueira(34)

. ivete sangalo(4)

. jennifer lopez(5)

. jessica athaide(4)

. joana duarte(11)

. joana solnado(13)

. joão reis(9)

. jose fidalgo(6)

. juliana paes(6)

. luciana abreu(15)

. mafalda pinto(6)

. margarida vila nova(18)

. maria joão bastos(15)

. mariana monteiro(7)

. marisa cruz(8)

. melanie c(5)

. merche romero(46)

. morangos com açucar(51)

. nbp(5)

. operaçao triunfo(5)

. paixões proibidas(7)

. paula lobo antunes(6)

. paula neves(6)

. paulo pires(7)

. pedro granger(6)

. pedro miguel ramos(8)

. pedro teixeira(10)

. ricardo pereira(16)

. rita andrade(5)

. rita pereira(20)

. rodrigo menezes(6)

. rtp(43)

. rtp1(30)

. rtp2(5)

. ruy de carvalho(5)

. são josé correia(11)

. shakira(8)

. sic(71)

. silvia alberto(11)

. sofia alves(9)

. sonia araujo(6)

. soraia chaves(24)

. tempo de viver(9)

. tu e eu(8)

. tvi(126)

. vila faia(5)

. todas as tags

.Links:

blogs SAPO

.subscrever feeds