Sábado, 15 de Dezembro de 2007

A Mariana Monteiro é linda de morrer

Com um contrato de exclusividade com a TVI para os próximos dois anos, o actor Pedro Granger garante que a nova novela está a ser muito importante para a sua carreira e que contracenar com a ‘ex-moranguita’, Mariana Monteiro, tem sido uma boa experiência.

'Para ser uma pessoa completa não posso refugiar-me  só no trabalho', afirma o actor

Correio Vidas – Durante o Verão foi disputado pela SIC e TVI. Por que decidiu manter-se no canal de Queluz?

Pedro Granger – Recuando no tempo, tenho trabalhado com todas as estações. Depois do ‘Dei-te Quase Tudo’, como qualquer actor, estava no mercado. No Verão passado houve alguns convites por parte da SIC, da RTP, mas como a TVI já vinha a falar comigo de uma exclusividade e, perante os moldes que o José Eduardo me colocou, fazia sentido. Daí ter assinado por dois anos. Confesso que tenho gostado muito das pessoas com quem tenho trabalhado, quer na TVI quer na NBP, e o Moniz é uma pessoa importante na minha vida profissional.

– Como está a correr a personagem?

– Um grande desafio. É uma personagem que, à partida, se pode pensar que tem como objectivo o amor impossível, mas acaba por ser um registo mais sóbrio comparando com o ‘Rodrigo’ de ‘Dei-te Quase tudo’. O ‘Salvador’ é mais maduro mas depois vai ter a problemática das vidas passadas.

– Faz par amoroso com a Mariana Monteiro...

– Está a ser muito bom trabalhar com uma rapariga que, para além de ser linda de morrer, é super-profissional, muito talentosa e tem sido uma óptima colega.

– Teme algum desgaste de imagem?

– Cada um faz a sua gestão. Para mim é impensável fazer duas novelas consecutivas e as pessoas sabem isso. Tenho 28 anos e continuo a apostar na formação e na reciclagem. Gosto de fazer teatro, cinema e tenho um método de trabalho onde não consigo fazer tudo ao mesmo tempo. Preciso de desligar botões para ter motivação para fazer novos projectos. Tento empenhar-me a mil por cento e depois intercalar com outros projectos. Há actores que conseguem fazer tudo ao mesmo tempo: teatro, novelas, cinema, mas eu quero ser justo comigo e com o público.

– Como gere o seu tempo?

– Há alturas, como esta, de maior desgaste e trabalho em que quase não tenho tempo para estar com a família, namorada e amigos. Mas para ser uma pessoa completa preciso disto tudo e não me posso refugiar só no trabalho. Tive de me ensinar a separar as coisas e a vivê-las. Agora estou muito absorvido com trabalho mas vou ter de compensar a seguir.

– Como lida com o assédio?

– A partir do momento em que faço televisão sei que vou ficar mais exposto e de certa maneira vou fazer parte da vida de muita gente. Ou seja temos de estar receptivos às abordagens das pessoas na rua e graças a Deus as pessoas são simpáticas. Claro que há dias em que estamos com melhor feitio, mas costumo dizer que o meu patrão é o público e o mínimo que posso fazer é agradecer. Agora que lido com isso de uma forma complicada lido. Gosto muito de ter o meu espaço

– Que cuidados tem com a sua imagem?

– Sou precisamente o mesmo que era há 10 anos, quando comecei. Não tenho essa obsessão, mas há que ter certas preocupações.

– Casamento faz parte dos seus planos?

– Neste momento estou mais focado no lado profissional, mas costumo dizer que tudo corre bem no ‘Reino da Dinamarca’. Acredito na instituição do casamento. Sou católico praticante e acredito na instituição que é a família, mas tudo a seu tempo.

– Mas aos 28 anos não pensa nisso?

– Já pensei e deixei de pensar. Tudo passa por fases da vida, da pessoa com quem se está e do que se faz no momento.

–Qual foi a sua reacção depois de ser noticiado que o Pedro tinha sido visto numa discoteca gay?

– O que é que interessa se estava numa festa lésbica? Estavam a chamar-me lésbica? Acho que a partir do momento em que as coisas começam a correr bem, há a necessidade básica de atacar e surgem todo o tipo de boatos. Se há uma jornalista homofóbica que decide implicar porque estou numa festa lésbica, não há problema nenhum. Não tenho vergonha nenhuma em ter ido a essa festa e de ter amigas lésbicas.

– Prefere fazer teatro, cinema ou televisão?

– Confesso que do que tenho mais saudades é da apresentação, porque aí tinha a parte da escrita de textos que eu gosto imenso.

– Qual o seu maior sonho profissional e pessoal?

– O sonho impossível seria trabalhar com o Tim Burton (risos). A possibilidade de o concretizar é mínima. O pessoal é ser cada vez mais feliz. Há quem diga que a felicidade é um estado anormal, por isso o meu sonho é ser o mais anormal possível.

– Quando era mais novo sonhava ser actor? Como surgiu essa hipótese?

– Comecei há 10 anos e pouco havia. Sempre achei que era uma realidade tão longe da minha que pensei ser impossível. Até que de repente caiu-me nas mãos a oportunidade de viver este sonho que julgava impossível.

IMAGEM

Vidas TV – Gosta de se ver na Televisão?

Pedro Granger – Prefiro ver outras pessoas, sinceramente.

– Tem algum tique?

– Todos temos. Há sempre arestas a limar.

– Mudava alguma coisa?

– Vou corrigindo, naturalmente, conforme a personagem.

– Melhor momento da sua carreira?

– O que mais gostei de fazer foi sem dúvida o ‘Ídolos’. Outro trabalho importante e marcante foi a novela ‘Jardins Proibidos’.

– E o mais embaraçoso?

– Quando ia mandando o Liedson para o estaleiro, no início da temporada, na apresentação das novas camisolas do Sporting. Sem querer ia-o empurrando para fora do palanque.

– Gosta de ser reconhecido na rua?

– Gosto de ser reconhecido pelo meu trabalho. Agora quando as pessoas vão na rua e dizem olha ele é da Televisão, confesso que não gosto.

– Uma referência na televisão?

– A primeira pessoa que me vem à cabeça é o Lecas (José Jorge Duarte).

– O que gosta de ver na TV?

– Prefiro ver séries, ‘Heroes’, ‘24’ e a minha série de culto é ‘Friends’.

PERFIL

Pedro Granger nasceu a 8 de Junho de 1979, em Lisboa. Tem um irmão mais novo e uma irmã mais velha. Proveniente de uma família numerosa, o actor viveu e cresceu na capital, excepto nos dois anos em que estudou em Nova Iorque.

Em 1999, quando frequentava o primeiro ano de Direito na Universidade Nova, surgiu o convite de Virgílio Castelo para integrar o elenco na novela da RTP, ‘Lenda da Garça’. Depois dessa primeira experiência seguiu--se a telenovela da TVI, ‘Jardins Proibidos’ (2000), para além de diversos trabalhos em cinema, teatro, dobragens e publicidade.

Protagonista na novela da TVI ‘Dei-te Quase Tudo’ (2005) – onde fez o par romântico com Vera Kolodzig – faz actualmente parte do elenco principal da nova produção do canal de Queluz, ‘Fascínios’. A música é outra das paixões do actor, que já compôs temas para alguns cantores portugueses.

Sexta-feira, 31 de Agosto de 2007

Alexandra Lencastre protagoniza «Imperius»

Alexandra Lencastre na apresentação de «Julgamento»,10 Julho 2007 (foto de Maunel Lino)

 

A actriz Alexandra Lencastre é a protagonista da nova telenovela da TVI «Imperius».

 

Conta a revista TV do Correio da Manhã, que a actriz está prestes a partir para Goa, onde irá gravar ao lado de Rogério Samora, Pedro Granger e João Perry, entre outros.

 

Apesar de as gravações ainda não terem começado, a TV revela que «Imperius» irá para o ar em Novembro, em substituição de «Ilha dos Amores».

Terça-feira, 7 de Agosto de 2007

Novos amores na TVI

É verdade que o Sol e as temperaturas elevadas costumam trazer novos amores. Só que desta vez a Lua substituiu o astro-rei, já que foi de noite que os novos amores de algumas caras conhecidas dos portugueses se deram a conhecer.




O Sasha Beach, na marina de Portimão, foi uma autêntica passerelle de apaixonados de Verão, naquela que foi a animada festa da TVI. Alguns profissionais do canal de Queluz de Baixo não conseguiram esconder a sua cumplicidade, deixando falar mais alto o coração.

A jornalista Raquel Matos Cruz foi uma das que se mostrou mais animada durante toda a noite. Desde que se separou do actor Marcantónio del Carlo que não lhe era conhecido nenhum relacionamento. Na madrugada de sábado, contudo, a jornalista não se coibiu em trocar carícias e beijos com o médico dentista Miguel Stanley, ao serviço da TVI no programa ‘Doutor, preciso de ajuda’, apresentado por Júlia Pinheiro. Parece, deste modo, ter chegado ao fim o namoro do dentista com a filha do cirurgião plástico Ibérico Nogueira, já que Miguel Stanley se deixou cair nos braços da jornalista.

 
Mas também as ‘Joanas’ da TVI se apaixonaram. Joana Solnado foi vista em clima de romance com um rapaz desconhecido e Joana Duarte  mostrou cumplicidade com Granger durante toda a noite. António Feio, por seu lado, trocou carinhos com a actriz Rita Lello.

 



TREINAR PARA AS NOVELAS

A actriz Joana Duarte está sempre a pensar em trabalho. Mesmo quando não está a trabalhar. Até mesmo nas folgas da novela ‘Ilha dos Amores’ aproveita para treinar a técnica de bem beijar. Joana Duarte distribuiu beijos ‘tórridos’ entre os seus colegas, como Tiago Felizardo, Miguel Bogalho, mas principalmente com Pedro Granger. Durante toda a noite não se coibiram de trocar abraços e beijos, mesmo apesar da presença dos jornalistas. Até parecia que queria tornar a relação oficial.


 

 

 


FEIO CÚMPLICE COM RITA LELLO

António Feio parece ser um verdadeiro D. Juan dissimulado. Nos últimos tempos trocou diversas vezes de namorada. A agora eleita é Rita lello.

 



 

NOVO AMOR DE SOFIA ARRUDA

Sofia Arruda apresentou pela primeira vez o seu novo namorado, Francisco Crispim, na festa da TVI do Sasha, em Portimão.



Créditos: correio da manhã

Quarta-feira, 25 de Julho de 2007

Benedita Pereira vai para Nova Iorque




A jovem actriz portuguesa Benedita Pereira vai estudar para Nova Iorque em Setembro e já não consegue pensar noutra coisa, conta hoje o jornal 24 Horas.

«Estou super ansiosa, ando a preparar algumas coisas, mas em Agosto é que trato de tudo», contou a actriz ao jornal.





Benedita Pereira vai para Nova Iorque fazer um curso de representação com a duração de um ano lectivo, e terá como companheira de casa uma outra jovem actriz portuguesa, Daniela Ruah.


Daniela e Benedita não são as primeiras «promessas» portuguesas a atravessar o Atlântico para estudar a arte da representação. Pela «grande maçã» já passaram também, para receber formação, Soraia Chaves, Adelaide de Sousa, Vera Kolodzig, Pedro Granger e Ivo Canelas, entre outros.

 

 




Até partir para Nova Iorque, Benedita Pereira terá ainda muito que fazer.



Conta o 24 Horas que a actriz vai fazer um workshop de teatro em Berlim, gravar mais dois anúncios para a Rede4 e continuar a fazer locução para spots televisivos.

Sexta-feira, 7 de Abril de 2006

Pedro Granger: Uma carta ao... Pai Natal

Apresentador e actor
Protagonista
de 'Dei-te Quase Tudo'

Eu sei que é Abril e quem está de serviço é o Easter Bunny, mas, tendo em conta que está de férias sem nada para fazer, queria apresentar-lhe a minha lista de pedidos de Natal, coisa que, por lapso, me esqueci de fazer este ano.

Então cá vai. Gostaria que:

- O Gato Fedorento continuasse por muitos anos, mas que o amigo Santos deixasse de passar a série às sextas à noite, pois sou rapaz novo e a essa hora estou na borga;

- O Herman continuasse com o Herman SIC, mas voltasse a fazer o Tal Canal ;

- Certas personagens das novelas tivessem de passar por menos acidentes e não chorassem episódio sim, episódio também;

- Acabassem as gargalhadas falsas em séries tidas como humorísticas;

- Todos os jogos do Sporting (Taça, inclusive) fossem transmitidos na TV;

- A Sílvia Alberto nunca mais saísse da televisão e voltasse a ter um programa com o Granger;

- A TVI, a televisão da ficção nacional por excelência (pelo menos por enquanto), ou a Guilherme (que se juntou agora à festa) fizessem em Portugal a adaptação do Friends e do That 70's Show;

- Mandassem o Castelo Branco e companhia às ortigas e recrutassem a Amiga Olga;

- O Estado pagasse à TV Cabo e oferecesse a Fox como terceiro canal;

- Projectos como O Crime do Padre Amaro passassem de excepção a regra;

- Que a Quadratura do Círculo fosse de visionamento obrigatório; o Programa da Maria, Manobras de Diversão e o Nilton voltassem à antena o mais depressa possível;

- Que o Vitinho mandasse uma marretada aos Patinhos e regressasse a seguir ao Telejornal, a dizer que "está na hora da caminha";

- Que o Tom Sawyer e os Estrunfes dessem domingo à tarde, a seguir ao Só Visto;

- Que pelo menos metade dos apresentadores soubesse falar português ao nível de um aluno do 12.º ano;

- Que o Moniz juntasse numa novela a Lencastre, a Serrano e a Tavares;

- Que o Kléber emigrasse para o Botswana;

- Que a TVI fizesse mais galas de música como a do Natal passado e, acima de tudo, que este Verão não volte a passar o Bay-watch.

Sei bem que é difícil atender a todos estes pedidos, mas acredite numa coisa: mais difícil que fazer televisão neste país... não é de certeza. Despeço-me de si e, já agora, mando um abraço de Queluz a Carnaxide passando pela Expo.

Fonte: Diário de Notícias

Sábado, 28 de Janeiro de 2006

Pedro Granger, o protagonista de “Dei-te quase tudo” rejeita comparações com Alexandra Lencastre:“Nã

Pedro Granger regressa às novelas, depois de algum tempo afastado do pequeno ecrã.

'Não me preocupo com a fama. Os meus amigos são os mesmos desde que nasci', assegura Granger

TV+: Como tem sido o regresso às novelas, quatro anos depois?
Pedro Granger: Tem sido... Agora está a ser bom. O princípio foi meio complicado, mas agora já está tudo a correr bem.

TV+: Qual é a sua opinião acerca da trama e do elenco de “Dei-te Quase Tudo”?
P.G.: É uma novela do Tozé (Martinho), a história é boa, muito gira mesmo. As pessoas conhecem bem as novelas do Tozé!

TV+: Quem é o Rodrigo, a sua personagem?
P.G.: Um puto, mais até do que eu originalmente estava à espera, mas com um coração do tamanho do mundo.

TV+: Voltou a trabalhar com a Vera Kolodzig, com quem trabalhou em “Jardins Proibidos”, agora como seu par romântico. Como tem sido a experiência?
P.G.: Acho que tem corrido bem. A Vera é uma “profissionalona”, gira que se farta e estou a gostar mesmo muito de trabalhar com ela.

TV+: Volta a contracenar também com a Fernanda Serrano, que vai fazer de sua prima...
P.G.: A Fernanda Serrano, além de ser uma das melhores actrizes da sua geração, é uma “amigona” com quem eu já tinha imensas saudades de trabalhar. É um prazer! Dia em que tenha cenas com ela é um dia ganho, ainda antes de ter começado.

TV+: Leva o Rodrigo para casa ou ainda tem tempo para a vida pessoal?
P.G.: Entre fazer a novela, um filme (“Inimigo sem Rosto”), dobragens, locuções, crónicas e apresentar galas, não me sobra tempo para nada. Quanto ao levar a personagem para casa, infelizmente, é um hábito que se mantém.

TV+: Porque faltou à apresentação da novela à Imprensa?
P.G.: Antes de começar a novela, já tinha informado da minha indisponibilidade para esse dia. Estive a apresentar a gala de prémios de publicidade da “Briefing” e a filmar, no Alentejo, “Inimigo sem Rosto” (uma primeira obra do José Farinha, inspirado no livro da Maria José Morgado, que irá para os cinemas no próximo ano.

TV+: Como sente a responsabilidade de suceder a Alexandra Lencastre, como protagonista do horário nobre da TVI?
P.G.: Que disparate! Nem eu tenho a personagem da Alexandra, nem a presunção de me colocar ao nível dela. A Alexandra é única e a ela só se pode suceder ela própria. Eu faço um puto romântico, os meus conflitos são totalmente diferentes dos que a Luiza teve.

TV+: Acompanhou “Ninguém Como Tu”?
P.G.: Só vi os últimos meses, pois estive a estudar em Nova Iorque durante a maior parte da novela. Os textos foram, de facto, muitíssimo bons! Quanto aos actores, a Alexandra é... Nem sei dizer... Acho que o saldo positivíssimo! O António Pedro Cerdeira, a Dalila Carmo, a Benedita Pereira, o Zé Fidalgo, a Suzana Borges, a São José Correia... Cinco estrelas!

TV+: Foi convidado para fazer o papel de Miguel nesta novela, mas recusou...
P.G.: Não gosto de falar disso! Dou-me optimamente com o Fidalgo e ele fez um óptimo trabalho, óptimo mesmo, e foi importantíssimo para mim ir para Nova Iorque. Isso é que interessa!

TV+: Onde vai assistir à estreia da novela?
P.G.: Sozinho. Não sei onde, mas sozinho de certeza.

TV+: Está preparado para o aumento do assédio?
P.G.: Estou a tentar preparar-me para o aumento de trabalho e diminuição de horas de sono que vêm aí. O resto é paisagem.

TV+: O que é que Nova Iorque, onde esteve a fazer um curso de representação, acrescentou à sua vida?
P.G.: É a minha segunda casa... OK, a terceira. A seguir a S. Martinho do Porto. Vou lá sempre que posso!

TV+: Como se chama a sua namorada nova?
P.G.: Começa por M. E mais não digo (risos)...

TV+: Tem pena de ter “deixado” a SIC, agora que está lá a sua amiga Teresa Guilherme?
Pedro Granger: Gosto muito da Teresa, é uma grande amiga! Mas estou a gostar de fazer o “Dei-te Quase Tudo”, isso agora é o que interessa. Aliás, estou a trabalhar na casa onde nasci (NBP) e na estação de televisão onde dei o salto (TVI).

TV+: O que espera do trabalho da Teresa Guilherme, como directora de Ficção da SIC?
P.G.: Espero e desejo o melhor. A Teresa é uma profissional exímia e merece que tudo lhe corra bem.

TV+: O que ficou do tempo do “Ídolos”?
Pedro Granger: Umas saudades enormes, muitos amigos, uma nova família, muitos ensinamentos, a Sílvia [Alberto] e a prova de que vale sempre a pena tentar darmo-nos bem com os outros.

TV+: O apresentador já está reformado?
P.G.: Nem pensar! Aliás, tenho apresentado várias coisas e, por exemplo, se me convidassem para fazer outro “Ídolos” com a Sílvia ia já a correr.

Fonte: TV Mais

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 14 seguidores

.pesquisar

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Últimas:

. A Mariana Monteiro é lind...

. Alexandra Lencastre prota...

. Novos amores na TVI

. Benedita Pereira vai para...

. Pedro Granger: Uma carta ...

. Pedro Granger, o protagon...

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

.tags

. a bela e o mestre(6)

. alexandra lencastre(29)

. alinne moraes(8)

. ana guiomar(5)

. angelico vieira(16)

. angelina jolie(20)

. antonio pedro cerdeira(13)

. band(8)

. barbara guimaraes(6)

. barbara norton de matos(5)

. belissima(9)

. benedita pereira(6)

. brad pitt(13)

. britney spears(8)

. canta por mim(4)

. carolina dieckmann(5)

. catarina furtado(20)

. caua reymond(9)

. cesar peixoto(11)

. christina aguilera(6)

. cinha jardim(5)

. claudia semedo(5)

. claudia vieira(28)

. cleo pires(7)

. cristiano ronaldo(29)

. dalila carmo(9)

. dança comigo(11)

. dani(7)

. daniela mercury(5)

. daniela ruah(13)

. danielle suzuki(6)

. deborah secco(7)

. deixa-me amar(9)

. diana chaves(22)

. diogo amaral(10)

. doce fugitiva(5)

. dzrt(6)

. elsa raposo(7)

. fala-me de amor(4)

. fernanda serrano(15)

. floribella(13)

. francisco adam(5)

. francisco penim(5)

. gato fedorento(7)

. globo(25)

. gloria pires(4)

. guilherme berenguer(4)

. helena isabel(4)

. henri castelli(4)

. herman josé(4)

. ilha dos amores(16)

. imperius(7)

. ines castel-branco(6)

. ines simoes(4)

. isabel figueira(34)

. ivete sangalo(4)

. jennifer lopez(5)

. jessica athaide(4)

. joana duarte(11)

. joana solnado(13)

. joão reis(9)

. jose fidalgo(6)

. juliana paes(6)

. luciana abreu(15)

. mafalda pinto(6)

. margarida vila nova(18)

. maria joão bastos(15)

. mariana monteiro(7)

. marisa cruz(8)

. melanie c(5)

. merche romero(46)

. morangos com açucar(51)

. nbp(5)

. operaçao triunfo(5)

. paixões proibidas(7)

. paula lobo antunes(6)

. paula neves(6)

. paulo pires(7)

. pedro granger(6)

. pedro miguel ramos(8)

. pedro teixeira(10)

. ricardo pereira(16)

. rita andrade(5)

. rita pereira(20)

. rodrigo menezes(6)

. rtp(43)

. rtp1(30)

. rtp2(5)

. ruy de carvalho(5)

. são josé correia(11)

. shakira(8)

. sic(71)

. silvia alberto(11)

. sofia alves(9)

. sonia araujo(6)

. soraia chaves(24)

. tempo de viver(9)

. tu e eu(8)

. tvi(126)

. vila faia(5)

. todas as tags

.Links:

blogs SAPO

.subscrever feeds