Sábado, 5 de Maio de 2007

...

A telenovela ‘Tu e Eu’ (TVI) formou um novo casal. Os actores António Pedro Cerdeira e Daniela Ruah estão muito apaixonados, como garante fonte próxima do casal. Ainda assim, tentam manter em segredo este namoro que é bastante recente. No entanto, apesar de não irem a eventos sociais, Ruah não podia faltar à antestreia do filme ‘O Mistério da Estrada de Sintra’, no qual o seu namorado é o protagonista.

 

Os actores António Pedro Cerdeira e Daniela Ruah, que contracenam juntos na telenovela ‘Tu e Eu’, da TVI, ambos como vilões da trama, estão apaixonados na vida real. O casal tem privilegiado a discrição e fogem aos olhares indiscretos.

No entanto, Daniela Ruah não faltou à antestreia – na Culturgest – do filme ‘O Mistério da Estrada de Sintra’, assinado por Jorge Paixão da Costa, onde o namorado António Pedro Cerdeira é, também, protagonista. Em nenhum momento os dois actores deram a perceber a paixão entre ambos mas, de acordo com amigos comuns, “estão envolvidos e apaixonados”.

“A Daniela terminou a relação que tinha há cinco anos e meio com Jean. Ela é muito discreta e não gosta de falar da vida íntima, mas o envolvimento entre ela e o António só aconteceu quando já estava separada do então namorado. Eles estão juntos há pouco tempo”, disse fonte próxima da actriz.

Curiosamente, António Pedro Cerdeira anda desaparecido dos eventos sociais há já algum tempo, por não gostar de ver exposta nas revistas a sua vida pessoal e, neste caso, para proteger das objectivas dos repórteres fotográficos o romance que está a viver com Daniela Ruah.

O actor é um sedutor inveterado e, sendo solteiro, já se envolveu fora da tela com colegas de profissão. O caso mais mediático, embora António Pedro Cerdeira nunca tenha assumido publicamente, foi com a actriz Maria João Bastos com quem teve um caso, ao qual ela colocou um ponto final.

Apesar de nunca se ter casado, Cerdeira já tem dois filhos, Lourenço e Afonso, este último fruto da relação com a produtora Maria Luís.

Já Daniela Ruah, que apresentou publicamente o anterior namorado na gala em que se sagrou vencedora do ‘Dança Comigo’, da RTP 1, é uma jovem promessa dos palcos portugueses. Quando a actriz expôs a sua relação, em Dezembro de 2006, chegou a afirmar que Jean já estava muito “habituado” à profissão dela e sabia distinguir o trabalho do resto. O resto era, nada mais, nada menos, as cenas incómodas como, por exemplo, os beijos técnicos. Pormenores que, certamente, não incomodarão Cerdeira que com ela ainda vai surgir nos ecrãs a protagonizar cenas bem quentes.

Sábado, 17 de Março de 2007

Paula Neves surpreende em “Tu e Eu”

Foi na Ericeira que nos encontrámos com Paula Neves. Antes de começar a gravar as suas cenas em “Tu e Eu”, a actriz conversou com a tvmais, revelando a boa fase por que está a passar. Profissionalmente, o seu papel na novela da TVI foi um salto de gigante. Finalmente, deixou de ser a menina bem-comportada para dar vida a uma mulher que vai trabalhar como stripper para sobreviver. No campo pessoal, também não tem de se queixar. Continua apaixonadíssima e só lhe falta mesmo ter um filho para completar um ciclo. É para o ano, garante!

Novela
“Está a correr muito bem. Já estamos numa fase de velocidade constante. Os nervos do início passaram e a personagem está mais segura. Está a ser uma novela muito pacífica em termos de gravações, de ambiente, de tudo.”

Personagem
“A Andreia vai continuar a ser uma mulher frontal, decidida, uma mulher de família como até aqui. Continua apaixonada pela dança, mas agora pelas de salão. E passa a dar aulas no clube, o que obrigou a pôr estes actores todos a dançar. Até temos tido aulas de rumba no Ateneu e é engraçado ver os meus colegas a dançar. Só tenho pena que não haja imagens, porque é de ir às lágrimas. São uns pés de chumbo!”

Ousadia
“As cenas de striptease foram difíceis de fazer, mas penso que, se voltasse atrás, faria da mesma maneira, porque fiz de acordo com a preparação que tive. Não continuei aquelas danças, portanto o que sei hoje é igual ao que sabia nessa altura. Gostei muito do resultado final. Não me parece que tenha sido perfeito, mas gostei de como ficou. Houve críticas muito positivas por parte das pessoas. Sinto que ficaram surpreendidas, admiradas. Foi muito bom.”

Emoções
“Gosto muito do lado familiar da Andreia, da dança, da segurança dela na vida, da racionalidade. Identifico-me com algumas coisas dela, mas não com a racionalidade. Sou mais intempestiva, mais emocional, insegura.”

Maternidade
“Ainda não deu para ter filhos. Já ando aflita do pouco que vejo o Ricardo (marido). A vida tem fases e cada dia é diferente. Agora, estou num período profissional muito intenso. Mas em Maio ou Junho já estou outra vez completamente livre. Vamos ver o que surge nessa altura. Estou desejosa de ser mãe e digo sempre que é para o ano. Só que já me ouço dizer isso há quatro anos. Até agora, sentia-me muito nova, mas a partir desta altura acho que é bom. Tenho 29 anos e gostava de ser mãe aos 30. É para o ano, lá está!”

Medo dos 30
“Eu já me sinto um bocado trintona. Há dois anos que digo que tenho 30 anos. Sempre quis ter 30 anos. Acho a juventude e a adolescência muito pouco apelativas. É muito mais interessante a maturidade, a velhice, o estar mais estável na vida. Agora que estou com uma vida porreira e nem que me pagassem voltava atrás no tempo. Nem quero pensar naquela montanha russa de emoções da juventude, do ser tudo muito intenso. Gosto das coisas estáveis, calmas, da maturidade, do conforto, da segurança.”

Carreira
“A brincar, já fiz dez anos de carreira. Por um lado, o tempo passou muito depressa, por outro passaram dez anos e ainda cá estou, o que é um bom sinal. E lembro-me sempre de uma frase que o António Pedro Cerdeira me disse: ‘Só se é actor ao fim de dez anos de profissão’. Portanto, agora é que vai ser a sério. Fico feliz, orgulhosa, confesso. E espero daqui a dez anos ainda estar aqui.”

Sábado, 3 de Março de 2007

Daniela Ruah e Albano jerónimo juntos. Há romance no ar!

O amor surge quando menos se espera. Que o digam Daniela Ruah, 23 anos, e Albano Jerónimo, 28, que foram atingidos em força pela seta de Cupido.

Em “Tu e Eu”, os actores dão vida a Daniela e Francisco, que, por esta altura, vivem uma paixão intensa. E, ao que tudo indica, o mesmo se passa na vida real. Garante quem com eles se cruza na NBP, produtora da novela, que é visível que estão apaixonados e mantêm um relacionamento. As cenas de maior intimidade também deixam perceber que possa haver envolvimento para além do profissional.

Os ex-namorados
Antes de cair de amores pela bela colega, Albano Jerónimo namorava com a também actriz Cláudia Chéu, que vimos em “Morangos com Açúcar”, no papel de Dora, uma rapariga que tem de se disfarçar de rapaz para conseguir sobreviver. A relação já durava há vários anos e parecia inabalável. Mas tudo tem um fim. Nas últimas semanas, Cláudia tem sido vista sempre sozinha ou acompanhada por amigos.

Já Daniela estava “solteira” desde que, em Setembro de 2006, terminou o namoro de seis anos com Jean Oliveira, antigo colega no colégio St. Julians. Os dois continuam amigos, porém a distância pôs um ponto final no romance. Jean mudou-se para Londres mal terminou os estudos em Ciências da Saúde, Exercício e Desporto, enquanto Daniela decidiu ficar em Portugal a trabalhar.

Tv mais

Sábado, 2 de Dezembro de 2006

Actrizes de "Tu e Eu" revelam curvas perigosas

Foi nos novos estúdios da NBP, em Vialonga, que encontrámos Fernanda Serrano, Sandra Cóias e Vera Alves a gravar intensamente. Numa operação inédita, a produção de “Tu e Eu” construiu todo o cenário do health club, que surge como um dos principais locais da novela e está magnífico. Espaços amplos, de cores fortes e inspiração oriental dão abrigo às actrizes, que se mostram bem-dispostas, embora as cenas sejam puxadas a nível físico e o calor, dentro do estúdio, quase intolerável.


O desafio maior para Fernanda, Vera e Sandra, ou Débora, Olga e Susana, os nomes das personagens, é mesmo convencer em poucos minutos que estão em excelente forma e são exímias a fazer exercício físico. O que nem sempre acontece na realidade. Apesar de apresentarem uma silhueta de fazer inveja, nem todas têm o hábito de praticar desporto.


“Já chumbei por faltas em todos os ginásios. Adoraria fazer exercício, porque me iria dar muito jeito, até em termos de expressão corporal, mas acho sempre que há outras coisas à frente para fazer. Sou preguiçosa”, confessa Fernanda Serrano. “Agora, tenho mesmo de fazer”, sublinha. É que Débora, uma antiga manequim a que dá vida, não descura a boa forma. Sabe que o seu trunfo é o corpo e a forma como o usa para seduzir, estando sempre atenta aos “quilinhos a mais”.


Embora goste de fazer tudo quanto é desporto – de ginástica a windsurf e snowboard –, nos últimos tempos a preguiça tinha tomado conta de Vera Alves. O facto de ter de interpretar uma professora de Educação Física obrigou-a a voltar aos velhos hábitos. “Confesso que já não ia há algum tempo ao ginásio, mas tive de voltar, até para saber como estão as aulas e as coreografias.


Nesta altura, vou o suficiente para fazer as cenas com alguma credibilidade”, garante. E explica, de seguida: “Não me sentiria bem se assim não fosse. Tenho medo de não estar credível”. O cansaço está estampado no seu rosto. Ainda por cima está com febre, possivelmente uma consequência de sair do estúdio muito quente para enfrentar o frio nas salas contíguas. Ossos do ofício. Não se queixa.


Quem não se mostra fatigada é Sandra Cóias. Está habituada a exercitar-se com regularidade (os músculos bem definidos, causam inveja a qualquer um), e tem uma alimentação cuidada. A actriz, que interpreta a designer Susana, é uma vegetariana assumida e sem tentações. “É mais saudável e uma opção de vida”, diz. Sandra recorda até como decidiu deixar de comer carne. “Foi o Heitor Lourenço que me fez pensar no assunto.” Até já lançou um livro de receitas. Agora, chegou a vez de convencer a amiga Fernanda Serrano a experimentar. “Provou um hambúrguer vegetal e gostou”, conta Sandra.

Sábado, 18 de Novembro de 2006

Daniela Ruah faz o primeiro papel de vilã em "Tu e Eu

Com apenas 23 anos, Daniela Ruah pode orgulhar-se de já ter vivido bastante. Fez “Jardins Proibidos” ainda era uma adolescente, mas o seu talento valeu-lhe logo um passaporte directo para “Filha do Mar”. Depois, resolveu parar. Acabou o ensino secundário e decidiu ir para Inglaterra estudar representação. Regressou com um canudo, alguma experiência e muita vontade de trabalhar. A TVI fez-lhe a vontade. Convidou-a para integrar “Dei-te Quase tudo” e agora “Tu e Eu”, o “grande desafio” da actriz.


Na nova novela da estação de Queluz de Baixo, Daniela tem o mesmo nome, mas uma personalidade completamente diferente. Ela é sensual e muito ambiciosa. Ao perceber que Francisco (Albano Jerónimo), o patrão, não lhe resiste, usa toda a sua sensualidade para conquistá-lo. “Estou encantada com este papel.


É completamente diferente daqueles que tive antes. Sempre fiz personagens boazinhas, sossegadinhas, discretas. A Daniela é o oposto. Entra numa sala e toda a gente olha para ela. Adora chamar a atenção. Vive muito a sua sexualidade e explora-a em benefício próprio”, revela a actriz, visivelmente satisfeita, apesar de, neste momento, trabalhar nos sete dias da semana. Daniela junta as gravações da novela à peça “Nem Tudo Começa com Um Beijo” e ainda ao programa “Cinebox”. “É cansativo, mas muito bom ao mesmo tempo. Está tudo a correr sobre rodas”, garante.

Sábado, 4 de Novembro de 2006

Daniela Ruah

Aos 23 anos, Daniela Ruah estreia-se no teatro e grava uma nova novela da TVI. Em ‘Tu e Eu’, que estreia na próxima semana, a actriz vai lidar com a sexualidade frente às câmaras. Um tema que diz ser “ousado” e sobre o qual está disposta a despir-se mas dentro dos seus próprios limites.

Aventura-se pela primeira vez no teatro, com a peça ‘Nem Tudo Começa com um Beijo’. Como vive esta experiência?

Estou a vivê-la de forma muito positiva. Está a ser uma experiência muito boa e tenho a sorte de trabalhar com pessoas que compreendem bem a minha situação e que sabem que demoro um pouco mais de tempo a afinar, a acertar com as coisas. O teatro fez parte do curso que tirei em Londres e fiz algumas peças quando era mais nova. Comecei a fazer televisão aos 16 anos e desabituei-me da forma de trabalhar em teatro. Mas já estamos a fazer a peça há dois meses, pelo que me voltei a habituar.

Ao contrário do que acontece na televisão, aqui é a única mulher no meio de um elenco masculino. Tem sido complicado?

Não, de forma alguma. Não me sinto mal por isso. No teatro, as pessoas têm tendência a ficar muito unidas porque sabem que vão trabalhar juntas todos os dias durante algum tempo, portanto há uma afinidade quase automática.

Como tem conciliado a peça com as gravações da nova novela da TVI, ‘Tu e Eu’?

Tenho tido imensa sorte. A produtora NBP tem sido muito compreensiva. Gravo tudo o que tenho para gravar durante o dia e depois, por volta das 19h30, venho para o teatro. Como só apresentamos a peça de quarta a domingo, quando é preciso gravar em exterior à noite, fazêmo-lo à segunda ou à terça-feira. A NBP tem-me ajudado nesse aspecto.

Vai ter um papel de relevo em ‘Tu e Eu’. Quais são os pontos fortes desta novela?

Há vários núcleos e cada um tem o seu ponto forte. Claro que há uma história que será mais focada, mas neste momento é complicado falar sobre a novela.

O autor, Manuel Arouca, afirmou que ‘Tu e Eu’ terá cenas ousadas. Tem mesmo?

Não é como ‘Jura’ [novela em exibição na SIC]. De forma alguma. Mas, comparando com os outros trabalhos do Manuel Arouca em que ele se resguarda em relação à sexualidade, há algumas cenas um pouco mais ousadas. Esta novela arrisca um pouco mais na ousadia, mas não é o ‘Jura’. Não é de mais.

Está preparada para aparecer de forma mais ousada?

Estou disposta a fazer algumas coisas. Em relação a nudez, por exemplo, não. Pelo menos nesta fase da minha vida.

Portanto, não estaria disposta a despir-se em frente às câmaras?

Depende. Se for para mostrar as costas nuas, estar sentada e só ver as costas nuas é uma coisa. Isso não é nudismo. Agora, de frente ou revelando algo mais íntimo, não.

É diferente aparecer nua numa novela de grande audiência ou numa revista como a ‘Maxmen’, para a qual fez uma produção fotográfica há um tempo?

Se virem essa entrevista vêem que não mostro mais nada para além do peito e das pernas. O resto está bem resguardado.

Faz questão de preservar a sua imagem?

Não é só isso. Não me sinto bem a despir-me demasiado. Também para conservar um pouco de mistério. Se uma pessoa se abre logo para o público, perde o interesse.

A sua carreira continua em crescendo. A formação que teve em Londres contribui para isso?

Sim. Se as pessoas me contratam e se tenho tido vários trabalhos é por causa da qualidade do meu trabalho. Qualidade essa que é resultado da educação que tive.

Se não tivesse feito a sua formação no estrangeiro, julga que estaria onde está hoje?

Acho que teria um percurso diferente. Não com menos sucesso ou menos trabalho, mas diferente. Ausentei-me durante três anos e isso deu-me um pouco de descanso. A minha imagem descansou um pouco em relação ao público. Mas as pessoas não me esqueceram. Se não tivesse ido para fora teria sido diferente. Não tenho feito de propósito, mas gosto de fazer muita coisa e depois desaparecer por uns tempos. Prefiro assim. Faço alguns trabalhos e depois descanso a minha imagem e eu, claro. Depois volto à carga.

A Daniela apostou na sua formação. Como vê os jovens que vão para ‘Morangos com Açúcar’ sem experiência nenhuma na área da representação? É uma boa forma para começar?

Eu também comecei assim. A diferença é que não o fiz através de uma agência de modelos. Quando entrei em ‘Jardins Proibidos’ foi porque vi um anúncio na televisão – ‘amanhã, casting no Teatro Vasco Santana para a nova novela da TVI’. Disse à minha mãe ‘amanhã vou a um casting’ e fui. Após várias fases acabei por entrar e depois foi uma bola de neve. A minha carreira foi crescendo, ausentei-me para tirar o curso porque a educação sempre foi, para mim, muito importante. Os meus pais são pessoas com formação académica e não queria ficar atrás disso, pelo que não quis desistir da minha educação mesmo que tivesse trabalho. Tive sorte. Começar a trabalhar antes de ir para a faculdade fez com que as pessoas me conhecessem e tivessem uma ideia do meu trabalho.

Sempre quis ser actriz?

Não. Não sigo o ‘cliche’ de dizer que sempre quis ser actriz. A dança sempre foi uma prioridade na minha vida. Desde miúda que adoro dançar. Sempre quis estar em cima de um palco, mas pensava que seria a dançar e não a representar. Depois fiz ‘Jardins Proibidos’, tomei-lhe o gosto e tentei conciliar as duas coisas ao tirar o curso de Performing Arts, que engloba tudo.

Esta é a sua quarta novela. Vai manter a aposta neste formato?

Um passo de cada vez. Agora estou a fazer a novela e a peça de teatro, mas gostava de entrar no mundo do cinema, uma área que me interessa bastante. De qualquer forma, quando acabar a novela vou para Nova Iorque durante um ano e meio.

Fazer o quê?

Estudar representação. Vou para o Lee Strasbourg Theatre and Film Institute. Vou focar-me mais na área da representação. O curso que tirei em Londres era muito abrangente. Este é como uma especialização em representação.

Estudou dança. Isso ajuda-a enquanto actriz ou serviu apenas para ganhar o ‘Dança Comigo’, da RTP1?

Não. Ajuda-me muito em relação à postura, por exemplo. Costas mais direitas, braços mais controlados, as produções para as revistas.

Sentiu alguma oposição na TVI por ter participado num programa de estação concorrente?

No meu caso o problema não foi por ser actriz e estar a fazer novelas para a TVI, mas por apresentar um programa da TVI, o ‘Cinebox’. Eu não sabia, mas vim a aprender que uma apresentadora está eticamente ligada àquele canal. Como não tinha contrato de exclusividade pensei que podia fazer um prograna noutro canal. Disseram-me que para a próxima devia ter mais cuidado e pedir autorização. Apenas isso. Não houve represálias nem mais problema nenhum. Só me disseram que não tinha sido uma atitude simpática da minha parte e que para a próxima devia ter mais cuidado. Eu pedi desculpa e o assunto ficou encerrado.

METAMORFOSE: 'VOU SER ACTRIZ'

Oriunda de uma família de conceituados médicos judeus, Daniela Ruah, de 23 anos, nunca encontrou resistência à carreira de actriz. Desde pequena, organizava espectáculos com os primos. Estreou-se na TV com ‘Jardins Proibidos’, a que se seguiram ‘Filha do Mar’ e ‘Dei-te Quase Tudo’, novelas da TVI. Estudou dança e formou-se em Performing Arts na London Metropolitan University (Reino Unido). Neste momento, para além da peça e da novela, apresenta semanalmente o ‘Cinebox’, na TVI. Quer voltar a estudar em Nova Iorque e “gostava de fazer carreira internacional que incluísse cinema”. Um dos seus modelos é o actor Joaquim de Almeida.

CARAS DA TV

‘Nem Tudo Começa com um Beijo’, de Jorge Araújo e Pedro Sousa Pereira, está em cena no Teatroesfera, Queluz. A Daniela Ruah juntam-se Frederico Barata (o Tomás de ‘Tempo de Viver’) e Miguel Freire (o Ruca de ‘Fala-me de Amor’). Integram ainda o elenco Bruno Bento, Emanuel Arada, José Mata, Raúl Abrantes e Vítor Oliveira. A encenação é de João Ricardo.

O QUE ELA PENSA DE

MUDANÇA DE VISUAL

Fiz um alisamento japonês e cortei o cabelo. Também uso uma lente de contacto no olho mais claro para ficarem os dois no mesmo tom escuro [Daniela Ruah tem um olho verde e outro castanho]

APOIO DA FAMÍLIA

“Nunca houve problema com o facto de ter escolhido esta carreira. Nunca tive de anunciar ‘vou ser actriz’. É algo que já era óbvio pela minha educação e pela forma como conduzo a minha vida.”

MOMENTOS DE UMA CARREIRA

‘Dança Comigo’: “A vitória trouxe-me uma experiência muito boa e muitos amigos. Deu-me a noção de saber o que é estar no meio de oito mil especta-dores mais todos os outros que estão em casa a ver a televisão”.

‘Jardins proibidos’: “Vi um anúncio para um casting e concorri. Depois das várias fases acabei por entrar”

‘Tu e eu’: “Vou interpretar o papel de Daniela Pinto. Uma mulher que usa vários homens para os seus fins”.

Fernanda Serrano e António Pedro Cerdeira regressam em "Tu e Eu"

A nova aposta da TVI para serões, “Tu e Eu”, junta dois actores de peso, Fernanda Serrano (Débora) e António Pedro Cerdeira (Alexandre). Embora sejam amigos inseparáveis, não trabalhavam juntos desde “A Grande Aposta”, novela de 1997. Um reencontro muito ansiado. “Como amigo faz parte do meu dia-a-dia. Profissionalmente, é óptimo contracenar com ele. Temo--nos divertido muito. É uma pessoa com quem é fácil trabalhar”, garante Fernanda.

O colega também não se cansa de lhe tecer elogios: “Nós temos feitios parecidos. Passamos o tempo todo a fazer asneiras, metemo-nos com os colegas e um com o outro. Funcionamos muito bem. Temos uma química fantástica”, revela.

E bem precisam de ter cumplicidade na hora de gravar. Além de amantes, que baseiam o seu relacionamento numa atracção muito física, eles são vilões temíveis. Ela quer a todo o custo voltar a ter dinheiro e vingar-se de Francisco (Albano Jerónimo), que a trocou por uma mulher mais nova. “A Débora acaba por ser uma actriz, porque ficciona grande parte da sua vida. Só com, o Alexandre é que se expõe e mostra a Débora verdadeira. É uma personagem inebriante. Não conheço ninguém assim tão racional”, diz Fernanda. Por seu lado, Alexandre vive de esquemas. Drogas, tráfico de carros, roubo são palavras comuns no seu dicionário.

Juntos, Débora e Alexandre tornam-se implacáveis. “Entra mesmo no submundo, não tem limites. Tem um lado negro de que eu estou a gostar muito”, conta Cerdeira sobre a sua personagem.

Moniz já prepara outra novela
O director-geral da TVI não pára. Ainda não estreou “Tu e Eu” e já se encontra a trabalhar na próxima novela. José Eduardo Moniz esteve nos Açores, onde será gravada “Ilha dos Amores”, de Maria João Mira. “Temos muito orgulho em estar a lançar muitas produções e fazê-lo com um nível de exigência crescente”, admitiu no dia de mais um lançamento da estação.
TV  Mais

Domingo, 22 de Outubro de 2006

Serrano incomodada com cenas ousadas

Mãe ciosa do bem-estar da sua família, Fernanda Serrano foi escolhida para ser a imagem da nova campanha de marketing da C & A. A actriz leva esta missão maternal tão a sério que até irá impedir Santiago de ver ‘Anjo de Mulher’, a nova telenovela da TVI, em que surge pela primeira vez como vilã e em cenas ousadas.
'A ‘Débora’ é uma brilhante actriz', disse Fernanda sobre o novo personagem

Apesar de não se identificar com ‘Débora’, Fernanda Serrano está muito satisfeita com o papel. O único ‘entrave’ são mesmo as cenas com António Pedro Cerdeira, o primeiro de muitos homens que o personagem terá na trama.

“Ele é um amigo de há muitos anos, somos muito cúmplices e, por isso, é complicado haver aquela intimidade. Às vezes fico tão aflita que não sei o que fazer”, explica a actriz, revelando a sua ‘técnica’: “Puxo pela imaginação e esqueço o momento em si”, afirmou a actriz.

Já quanto à decisão radical de não deixar o pequeno Santiago, de ano e meio, assistir à telenovela foi tomada na sequência da criança ter visto uma cena do seu anterior trabalho, ‘Dei-te Quase Tudo’. “O meu personagem, ‘Ana Maria’, aparecia a chorar e, quando ele viu, ficou muito aflito e fartou-se de chorar. O Santiago é muito pequeno para saber distinguir a mãe da actriz. Para ele, era a mãe a chorar. Foi nesse momento que prometi a mim própria que o Santiago não voltaria a ver um trabalho meu, tenho de o proteger nesse sentido”, contou ao CM Fernanda Serrano, adiantando ainda que o seu novo projecto será transmitido “num horário muito tarde para ele”.

Prestes a estrear-se como a má da fita, a actriz está ansiosa pelo “grande desafio” que tem pela frente, iniciado há um mês com uma mudança de visual. Está com os cabelos mais compridos e escuros. “O Pedro [marido] e o Santiago gostam muito, aliás, eles apreciam todas as minhas mudanças”, conta a intérprete de ‘Débora’, revelando que, por enquanto, o seu desejo de voltar a ser mãe foi adiado. “Neste momento não posso pensar em ter outros filhos. Depois quem sabe...”

Quanto a ‘Débora’, Serrano traça um rasgado elogio. “É uma brilhante actriz, pois engana muito bem os outros.” No entanto, confessa não se identificar nem um pouco com o personagem. “Não tem nada a ver comigo. Ela tem dupla personalidade e faz tudo para atingir os seus objectivos”, afirmou, contando que não conhece ninguém como ela, “graças a Deus”.

.mais sobre mim

.pesquisar

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Últimas:

. ...

. Paula Neves surpreende em...

. Daniela Ruah e Albano jer...

. Actrizes de "Tu e Eu" rev...

. Daniela Ruah faz o primei...

. Daniela Ruah

. Fernanda Serrano e Antóni...

. Serrano incomodada com ce...

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

.tags

. a bela e o mestre(6)

. alexandra lencastre(29)

. alinne moraes(8)

. ana guiomar(5)

. angelico vieira(16)

. angelina jolie(20)

. antonio pedro cerdeira(13)

. band(8)

. barbara guimaraes(6)

. barbara norton de matos(5)

. belissima(9)

. benedita pereira(6)

. brad pitt(13)

. britney spears(8)

. canta por mim(4)

. carolina dieckmann(5)

. catarina furtado(20)

. caua reymond(9)

. cesar peixoto(11)

. christina aguilera(6)

. cinha jardim(5)

. claudia semedo(5)

. claudia vieira(28)

. cleo pires(7)

. cristiano ronaldo(29)

. dalila carmo(9)

. dança comigo(11)

. dani(7)

. daniela mercury(5)

. daniela ruah(13)

. danielle suzuki(6)

. deborah secco(7)

. deixa-me amar(9)

. diana chaves(22)

. diogo amaral(10)

. doce fugitiva(5)

. dzrt(6)

. elsa raposo(7)

. fala-me de amor(4)

. fernanda serrano(15)

. floribella(13)

. francisco adam(5)

. francisco penim(5)

. gato fedorento(7)

. globo(25)

. gloria pires(4)

. guilherme berenguer(4)

. helena isabel(4)

. henri castelli(4)

. herman josé(4)

. ilha dos amores(16)

. imperius(7)

. ines castel-branco(6)

. ines simoes(4)

. isabel figueira(34)

. ivete sangalo(4)

. jennifer lopez(5)

. jessica athaide(4)

. joana duarte(11)

. joana solnado(13)

. joão reis(9)

. jose fidalgo(6)

. juliana paes(6)

. luciana abreu(15)

. mafalda pinto(6)

. margarida vila nova(18)

. maria joão bastos(15)

. mariana monteiro(7)

. marisa cruz(8)

. melanie c(5)

. merche romero(46)

. morangos com açucar(51)

. nbp(5)

. operaçao triunfo(5)

. paixões proibidas(7)

. paula lobo antunes(6)

. paula neves(6)

. paulo pires(7)

. pedro granger(6)

. pedro miguel ramos(8)

. pedro teixeira(10)

. ricardo pereira(16)

. rita andrade(5)

. rita pereira(20)

. rodrigo menezes(6)

. rtp(43)

. rtp1(30)

. rtp2(5)

. ruy de carvalho(5)

. são josé correia(11)

. shakira(8)

. sic(71)

. silvia alberto(11)

. sofia alves(9)

. sonia araujo(6)

. soraia chaves(24)

. tempo de viver(9)

. tu e eu(8)

. tvi(126)

. vila faia(5)

. todas as tags

.Links:

blogs SAPO

.subscrever feeds